Aviso de privacidade

Aviso de privacidade

1- Porque a sua privacidade é muito importante para nós, elaborámos este aviso de privacidade, o qual deve ser conjugado com a nossa Política de Proteção de Dados. Este aviso somente diz respeito aos dados e interações que venha a ter por via do nosso site online www.consulgal.pt.

 

2-Elaborámos ambos os documentos numa linguagem clara, acessível e de fácil compreensão para todos.

 

3-Procurou-se, acima de tudo, ajudá-lo a compreender que os seus dados pessoais são muito importantes para nós e que os protegemos no seio da nossa organização, através da adoção de medidas técnicas, organizativas e procedimentais, rigorosas e robustas.

 

4-Seguimos a definição de “dados pessoais” que consta do Regulamento Europeu sobre Proteção de Dados, os quais traduzem uma informação relativa a uma pessoa singular identificada ou identificável («titular dos dados»), sendo  considerada identificável uma pessoa singular que possa ser identificada, direta ou indiretamente, em especial por referência a um identificador, como por exemplo um nome, um número de identificação, dados de localização, identificadores por via eletrónica, ou a um ou mais elementos específicos da identidade física, fisiológica, genética, mental, económica, cultural ou social dessa pessoa singular.

 

Todas as informações constantes deste Aviso de Privacidade são completadas na nossa Política de Proteção de Dados interna de forma mais detalhada.

 

1- Como recolhemos os seus dados

Recolhemos os seus dados online, através da nossa plataforma.

 

2- Que dados recolhemos?

Se visitar o nosso site, não precisará de nos fornecer quaisquer dados pessoais a não ser que aceite alguns dos cookies. Nesses casos a informação está limitada às finalidades previstas no acto da aceitação dos mesmos.

Ao preencher os nossos formulários de contactos iremos solicitar os seguintes tipos de dados pessoais:

Nome
E-mail
Número de Telefone / Telemóvel
Categorias de dados inseridos em Curriculum Vitae

 

3- Para que finalidade tratamos os seus dados?

Apenas procedemos ao tratamento de dados pessoais de acordo com as finalidades estabelecidas no momento da sua recolha. A(s) finalidade(s) podem variar consoante, o tipo de relação que tiver com a Consulgal.  Procedemos ao tratamento desses dados pessoais para a prestação do serviço ou para a execução do contrato.

Podemos proceder ao tratamento dos seus dados pessoais para outras finalidades, incluindo marketing e comunicações, mas isso só acontecerá, no caso de termos o seu consentimento ou outro fundamento legal para o fazer.

 

4- Dados pessoais de crianças

Os nossos serviços e produtos não se destinam a crianças pelo que não recolhemos nem pretendemos recolher os seus dados.

Caso tal venha a suceder, porque nem sempre é possível identificar de modo inequívoco quem nos consulta, os titulares das responsabilidades parentais poderão contactar-nos e solicitar a eliminação de quaisquer dados que possamos ter recolhido.

 

5- Por quanto tempo conservamos os seus dados?

A conservação dos dados depende da finalidade. Existem prazos legais de conservação que devemos cumprir. Caso não se apliquem, os dados serão conservados pelo período mínimo necessário para as finalidades motivaram a recolha.

No âmbito do contacto no nosso website, os dados inseridos nos formulários serão retidos durante o prazo de três anos.

 

6- Quais são os seus direitos?

Nos termos das disposições do RGPD garantimos-lhe o exercício dos seus direitos.

Os seus Direitos são:

Direito de Informação: Tem direito a obter informações do Responsável pelo Tratamento dos Dados Pessoais, nomeadamente, identidade e contactos; finalidades do tratamento; fundamento jurídico para o tratamento; destinatários dos dados pessoais;

Direito de Acesso: O titular dos dados tem o direito de obter do responsável pelo tratamento a confirmação de que os dados pessoais que lhe digam respeito são ou não objeto de tratamento e, se for esse o caso, o direito de aceder aos seus dados pessoais;

    Direito de Retificação: O titular tem o direito de obter a retificação dos dados pessoais inexatos que lhe digam respeito e direito a que os seus dados pessoais incompletos sejam completados;

Direito ao Apagamento: em determinadas situações, pode ter o direito de obter o apagamento dos seus dados pessoais;

Direito à Limitação do Tratamento: em determinadas situações, pode ter o direito de obter a limitação do tratamento dos seus dados pessoais;

Direito de Portabilidade: em determinadas situações, pode ter o direito de receber os dados pessoais que nos forneceu, num formato estruturado, de uso corrente e de leitura automática e pode ter o direito a transmitir esses dados para outro responsável pelo tratamento;

Direito de Oposição: Em determinadas situações, pode ter o direito de, a qualquer momento, se opor, por motivos relacionados com sua situação particular, ao tratamento dos seus dados pessoais e podemos ser obrigados a cessar o tratamento dos seus dados pessoais;

Direito à não sujeição a decisões automatizadas: Tem o direito de não ficar sujeito a nenhuma decisão tomada exclusivamente com base no tratamento automatizado, incluindo a definição de perfis, que produza efeitos na sua esfera jurídica ou que o afete significativamente de forma similar.

Para efeito do exercício destes direitos por favor contacte-nos pelo e-mail do nosso DPO.

 

7- Quais as medidas implementadas para garantir a segurança dos dados pessoais?

Adotamos medidas técnicas e organizativas, que revemos e melhoramos periodicamente, destinadas a garantir a segurança e proteção dos seus dados pessoais ao nível da sua disponibilidade, autenticidade, integridade e confidencialidade, assim como as destinadas a impedir a sua perda, uso indevido, alteração, tratamento ou acesso não autorizado, bem como qualquer outra forma de tratamento ilícito.

 

8- Existe comunicação de dados a terceiros?

 

Poderemos recorrer a um subcontratado que trate os seus dados por nossa conta. Regularemos por contrato este tratamento e garantiremos que o subcontratado trata os dados apenas e só de acordo com as nossas instruções e para as finalidades para as quais tenhamos base legal para tratamento.

No âmbito dos nossos processos de recrutamento e seleção de pessoal não recorremos a subcontratados para o tratamento dos seus dados, pelo que a eventual comunicação a terceiros, dependerá da sua autorização prévia.

 

9- São feitas transferências dos dados pessoais?

Pode suceder que tenhamos que comunicar os dados pessoais a terceiros, caso em que cumpriremos todas as disposições legais em vigor, sendo acauteladas as questões da segurança ao nível da transmissão dos dados e celebrado um contrato.

 

10- Como usamos as “cookies”?

Para saber mais sobre cookies consulte por favor a nossa Política de Cookies.

 

Tipos de cookies

Quais os tipos de Cookies utilizados e porquê?

Os cookies existentes no website da CONSULGAL e serviços online fazem parte das seguintes categorias:

Categoria 1 — cookies essenciais para a prestação de serviço

Estes cookies são essenciais para permitir o uso dos websites da CONSULGAL e as suas funcionalidades, bem como tirar partido das suas funcionalidades tais como aceder a áreas seguras e conteúdos de acesso exclusivo, etc.

Categoria 2 — cookies de análise do serviço primários

Estes cookies recolhem informação sobre como os websites e serviços da CONSULGAL são usados como, por exemplo, que páginas são mais visitadas. Esta informação pode ser utilizada para ajudar a CONSULGAL a melhorar as páginas e torná-las mais fáceis de usar. Estes cookies também permitem saber se as visitas aos websites da CONSULGAL advêm de campanhas que as empresas do Grupo CONSULGAL realizam. Estes cookies não recolhem informação que identifique o utilizador dado que toda a informação recolhida é agregada em indicadores não pessoais e, portanto, anónimos e destina-se apenas ao fim acima indicado. São usados apenas para fins internos.

Categoria 3 — cookies de desempenho e funcionalidade

Estes cookies permitem que o website da CONSULGAL reconheça as escolhas dos utilizadores enquanto estes usam os serviços das empresas do Grupo CONSULGAL como, por exemplo:

Os cookies de desempenho (Performance cookies) – recolhem informações sobre a visita e o uso do site; por exemplo, quais as páginas visitadas com mais frequência e se são enviadas mensagens de erro das páginas da web. Estes cookies não recolhem informações que possam identificar um utilizador. Todas as informações recolhidas por estes cookies são anónimas e são usadas apenas para melhorar o funcionamento do site.

Cookies de Funcionalidades (Functionality cookies) – permitem que um site se lembre das escolhas do utilizador (como: nome, idioma ou região) e ofereça funcionalidades pessoais mais aprimoradas. Estes cookies não são capazes de rastrear as atividades de navegação noutros sites. Não são recolhidas informações sobre o utilizador que possam ser usadas para publicidade ou para lembrar que outro site visitou para além nosso.

A informação que estes cookies recolhem não permite identificar o utilizador pessoalmente nem permite monitorizar a sua atividade de navegação em websites que não sejam da CONSULGAL. São usados apenas para fins internos.

Categoria 4 — Cookies de Publicidade e Medias Sociais

Os cookies de publicidade e medias sociais (Advertising and Social Media Cookies) são usados para (1) apresentar publicidades mais relevantes para o utilizador e de acordo com seus interesses; (2) limitar o número de vezes que vê uma publicidade; (3) ajudar a medir a eficácia de uma campanha publicitária; e (4) perceber o comportamento do utilizador depois de ver determinada publicidade. Os cookies geralmente são colocados a pedido de redes de publicidade com a permissão do operador do site. Eles lembram que o utilizador visitou um site e, com frequência, estarão vinculados à funcionalidade do site fornecida pela outra organização. Isso poderá afetar o conteúdo e as mensagens que o utilizador verá noutros websites. Se o utilizador não permitir o uso destes cookies, é possível que não consiga usar ou ver essas ferramentas de partilha ou reproduzir determinados vídeos no nosso site.

A CONSULGAL não recorre à utilização de Targeting Cookies para promover publicidade direcionada aos nossos utilizadores.

Sempre que pretendam informação mais detalhada sobre os cookies utilizados no nosso site agradecemos o vosso contacto através do formulário de e-mail.

 

11-Quem pode contactar em caso de dúvida?

Caso tenha alguma dúvida ou questão sobre a forma como recolhemos e tratamos dados pessoais poderá entrar em contacto com o nosso Encarregado de Proteção de Dados:

 

Contactos do encarregado de proteção de dados

 

Telefone: + 351 214 468 500
E-mail: dpo.consulgal@consulgal.pt
Morada: Av. Salvador Allende 25, 2780-163 Oeiras, Portugal

 

12- Revisão da Política

Reservamos o nosso direito de alterar sem aviso prévio o conteúdo desta política de privacidade, sem prejuízo de informaremos no nosso website, destacadamente, sempre que tal vier a suceder.

 

Revista e publicada em 18.02.2022